UOL Estilo UOL Estilo






Meu perfil
BRASIL, Mulher, Portuguese

Neste blog Na Web

 Visitas  
 
Acontecimentos e pensamentos lesados de verão

_ Está provado que não é possível filosofar com um calor de 40 graus em cima da cabeça.

_ Frase mantra para 2008: "eu não tenho que nada".

_ Postura sexual-afetiva desejada e por enquanto realizada: pragmatismo.

_ Novo ídolo literário: Phillip Roth (não diga: "nossa, só agora". Competiçõs literárias são ridículas)

_ Falta ar condicionado no Rio de Janeiro. Falta ar cordicionado nas ruas. E nos clubes. Peloamordedeus, custa?

_Ano novo é só um dia, uma data como outra qualquer. E tudo bem.

_É difícil dançar Joy Division no calor.

_E, nada como el portunhol selvage en dias calientes como esses. É a mejor forma de hablar na temporada. Frase dita por uma criança de 3 anos que fala portunhol: "todos los aviones son iguales".

Y todos los verones también.

(Nina Lemos)

 

 

 

:: Escrito por 02 Neurônio às 22h05
O esmalte iguala as mulheres

Se tem uma coisa que iguala as mulheres, isso é o esmalte. Não é TPM, cuidado com os cabelos, romantismo ou praticidade. É simplesmente o esmalte. Ou a falta dele.

Por exemplo: você está se sentindo linda e poderosa com uma mão feita com aquele vermelho escuro. Daí você vai a uma palestra horrenda com uma senhora de 80 anos. Ela tem o mesmo esmalte que você. Exatamente o mesmo tom. Você começa a desconfiar que não é tão poderosa assim.

Você decide passar uma cor clarinha pois vai pra praia e reza a lenda que na praia o melhor é uma cor clarinha para não "encardir", segundo a manicure. Você passa um terrível rosa, só não tão horrível quanto o misturinha. E sai do salão praguejando.

Seu esmalte enche de bolinhas. Dizem que acontece isso se você sopra, mas na verdade, deve ter a ver com esmalte vagabundo.

E o que mais iguala todas as mulheres: o esmalte descasca. E você, com preguiça de tirar, fica com aquela terrível unha toda descascada.

E que 2008 seja repleto de unhas bem feitas, sem bolinhas e de cores exclusivas.

:: Escrito por raq affonso às 18h52
2008...
02 Neurônio faz aqui seus sinceros votos de Natal e Ano Novo.
Que vocês sobrevivam aos detestáveis festejos.
É o que desejamos.
Nina, Raq e Jô.


:: Escrito por Jô Hallack às 22h18